Delegado Sérgio Sotero morre de infarto fulminante no trabalho

Sérgio Sotero
Sérgio Sotero
Salvador – Um infarto fulminante matou nesta terça-feira (16) o delegado Sérgio Sotero, 56 anos, plantonista da 12ª Delegacia (Itapuã). Sotero estava no trabalho quando passou mal e foi socorrido ao Hospital do Aeroporto, onde deu entrada já com quadro de parada cardíaca, e acabou falecendo.

Em nota à imprensa, a Polícia Civil informa que o diretor do Departamento Médico da Polícia Civil (Demep), Roberto Andrade Dias do Nascimento, e uma assistente social do departamento estiveram no hospital e confirmaram a morte do delegado.

Segundo a Assessoria de Imprensa da Secretaria de Segurança Pública, Sérgio Sotero ingressou na Polícia Civil em novembro de 1986. Ele foi responsável pela implantação da 33ª Delegacia, em Monte Gordo (Camaçari), em 2007 – foi o primeiro titular da unidade, onde ficou até 2010. Ele também trabalhou na 23ª Delegacia (Lauro de Freitas), na 28ª Delegacia (Nordeste de Amaralina), no Departamento de Tóxicos e Entorpecentes (DTE) e de Crimes Contra a Vida. Ele também foi plantonista da 5ª Delegacia e trabalhou na Delegacia de Repressão a Furtos e Roubos.

Notícias Relacionadas