Arcebispo do Rio de Janeiro diz que JMJ será ‘sintonizada com protestos’

AGÊNCIA ANSA

Rio de Janeiro – O arcebispo do Rio de Janeiro, Dom Orani Tempesta, declarou hoje que a Jornada Mundial da Juventude (JMJ) será realizada “em sintonia” com as reivindicações dos protestos que estão acontecendo no Brasil.

“O clamor por um mundo mais justo se reflete no que a JMJ oferece. E nesse aspecto que a JMJ está sintonizada com essas reivindicações”, declarou o prelado em uma entrevista ao portal G1.

Dom Orani condenou as “violências e os saques” que se verificaram durante muitas manifestações e relevou que muitos dos jovens voluntários que trabalham no comitê organizador da JMJ participaram dos protestos junto com as próprias famílias.

“Uma grande parte dos que participaram ás manifestações são católicos que frequentam a Igreja. Eu acho que o verdadeiro cristão é aquele que tem espiritualidade, mas também consciência política”, concluiu Dom Orani. (Ansa Brasil)

Notícias Relacionadas