Palmeiras perde para o Libertad do Paraguai pela Taça Libertadores

Com a vitória, os paraguaios chegam a seis pontos, deixando o Palmeiras com os três da vitória conquistada sobre o Sporting Cristal. (Foto: ABC Color/Paraguai)
Em Assunção (PAR), o Palmeiras visitou o Libertad pela segunda rodada do Grupo 02 da Taça Libertadores da América e acabou derrotado pelo placar de 2 a 0.

Os dois times começaram a partida tentando sair para o ataque e tentando abrir o espaços para as jogadas em velocidade. Aos cinco minutos, Fernando Prass e Maurício Ramos quase se complicaram ao tentar tirar a bola em jogada do Libertad. Aos sete minutos, Moreira foi para o chute cruzado, após finta em Marcelo Oliveira, e a bola foi pela linha de fundo.

Aos dez minutos, o Libertad abriu o placar com Velázquez. Em jogada pela direita, a bola foi cruzada na área para o atacante chegar e tocar de cabeça para fazer o primeiro gol paraguaio.

Patrick Vieira tentou a jogada na área após cruzamento de Wesley, mas Souza não conseguiu chegar na bola. Samudio bateu falta aos 20 minutos e a bola bateu no lado de fora da rede do gol palmeirense. A equipe paraguaia se lançava mais ao ataque, deixando pouco espaço para as investidas do time alviverde.

Souza, aos 27, bateu falta para a defesa de Muñoz. Vinícius, aos 31, apareceu pela esquerda e finalizou para a defesa do goleiro. No rebote, ele tentou novamente e Patrick Vieira não conseguiu dominar para o arremate final.

Weldinho aos 36, recebeu na área, dominou e bateu cruzado, mandando pela linha de fundo. Depois, Wesley foi lançado na área, arrematou de primeira e a bola acabou batendo na trave. O Palmeiras ia mais ao ataque nos minutos finais da etapa inicial

No segundo tempo, Valdívia e Kléber entraram no Palmeiras para melhorar o poderio ofensivo do time, mas foi o Libertad a marcar o segundo, aos nove minutos, com Benítez, de cabeça, após cobrança de falta.

Souza foi para a cobrança rasteira de falta, mas acertou a barreira. Aos 19, Valdívia bateu cavado na bola e ela ficou com Muñoz. Depois, Weldinho chutou de longe, mas sem sucesso. O Palmeiras continuava pressionando e Maikon Leite arriscou para boa defesa do goleiro Muñoz.

Aos 30, Samudio teve a chance de marcar o terceiro dos paraguaios, mas Fernando Prass fez a defesa.

No dia 6/3, o Palmeiras volta a jogar fora de casa, contra o Tigre (ARG). O Libertad recebe o Sporting Cristal (PER).

Ficha técnica

Libertad (PAR) 2 x 0 Palmeiras

Local: Dr. Nicolas Leoz, Assunção (PAR);

Árbitro: Juan Soto (VEN);
Assistentes: Jorge Urrego e Carlos Lopez (ambos da VEN);
Quarto árbitro: Ulises Mereles (PAR);

Libertad: Muñoz;Moreira, Benegas, Benítez e Mencia; Mendieta (Vargas), Aquino, Guiñazú e Samudio (González); Velázquez e Núñez (Guevgeozian).
Técnico: Ruben Israel.

Palmeiras: Fernando Prass; Weldinho, Maurício Ramos (Valdívia), Henrique e Marcelo Oliveira; Vilson, Márcio Araújo, Souza (Maikon Leite), Patrick Vieira (Kléber) e Wesley; Vinícius.
Técnico: Gilson Kleina.

Gol: Velázquez (LIB) aos 10 do primeiro tempo, Benítez (LIB) aos 9 do segundo tempo.

CA: Maurício Ramos, Weldinho, Valdívia, Vinícius (PAL).

Notícias Relacionadas