Governo começa a tirar do papel projeto da ponte Salvador-Itaparica

Salvador – O Governo do Estado da Bahia e os municípios de Salvador, Vera Cruz, Itaparica e Jaguaripe, que serão diretamente impactados com a construção da ponte Salvador-Itaparica, assinam, nesta segunda-feira (25), às 9h, na Governadoria, em Salvador, um acordo de cooperação técnica. O empreendimento terá uma extensão de 11,7 km e um investimento de aproximadamente R$ 7 bilhões.


Enquanto a ponte não vem, assista ao vídeo acima com a simulação do projeto.

O secretário de Planejamento, José Sérgio Gabrielli, informa que até o final de março devem ser iniciados os processos de licitação dos estudos de modelagem econômica, societária, além da discussão das agendas para serem desdobradas com os municípios”, explicou Gabrielli.

Leia também:

Sobre as críticas e polêmicas envolvendo o impacto que o projeto causará ao meio ambiente da Ilha de Itaparica, Gabrielli considera que serão mínimos (o impacto) e garante que a ponte será formulada de acordo com a paisagem da Baía de Todos-os-Santos.

“Será um empreendimento que terá o mínimo impacto visual possível, em harmonia com a paisagem já existente da baía. Vamos fazer um estudo detalhado. Eu não acredito que o impacto ambiental seja grande”, afirmou.

Integração – A nova ponte integra o Sistema Viário Oeste, que envolve duplicação das rodovias, desapropriações e investimentos em infraestrutura. Além da capital, o projeto beneficia municípios da Região Metropolitana, Recôncavo e do Baixo Sul.

O objetivo do acordo de cooperação técnica é facilitar a colaboração durante os estudos para elaboração do Plano de Desenvolvimento Socioeconômico da Macroárea de Influência da ponte. O acordo terá vigência de dois anos e será assinado pelo governador Jaques Wagner, o secretário do Planejamento, José Sergio Gabrielli, e prefeitos dos três municípios.

Notícias Relacionadas

17 Comentários

  1. Mendes

    Não sou negativo, não sou pessimista, mas eu só acredito vendo. E tem mais: este projeto da ponte não é de 2011 como disse o JORNAL A TARDE. Desde 2009 que Wagner, já em campanha pra 2010 (reeleição) fez o anúncio. Em março de 2011 seria lançado o Edital de Licitação e todo mundo enrolou o baiano otário. Agora o governo diz que no início de 2014 será lançado o edital do projeto. Só tem mentiroso. E o povo otário ainda vota numa gente dessa.

  2. José Henrique

    Já estou até vendo a cena: obras paradas por causa de superfaturamento ou desvio de recursos e as colunas fincadas no meio da água, semelhante como está o metrô.

  3. Junior

    Mendes eu não sou negativo e nem acredito em papai noel, coelhinho da páscoa, fada do dente e político, e ainda vindo do Sr Governador, que coincidência acabou o carnaval e já começou a corrida para o palácio da Ondina isso já é campanha eleitoreira esse edital da Ponte de Itaparica – Salvador que não é uma novidade ele mesmo já utilizou esse artificio na campanha de 2009, conjunto de viadutos na paralela, mobilidade urbana é pra fazer o povo da Bahia novamente de trouxa mais a resposta do Governo vem ai mais uma vez eles usaram o mesmo método da via expressa para tentar eleger o seu candidato mais foi derrotado continua subestimando o povo com suas falsas promessas.

  4. Carlos

    Dah gosto veh o site do jornal da mídia, Foto, qualidade texto, crítica, não puxa saco. Só acho q o governo tá enrolando o povo e vcs tão indo na ondA.

  5. Fedegoso

    Acredito na ponte. É a solução para o desenvolvimento de toda a região. Não duvido nem um pouco de que a solução seja a ponte. Mas a ponte não vai acabar com o sistema de transporte marítimo. E não temos a ponte, ainda. Então, vamos para o “concreto”, o transporte por mar.

    Somos competentes sim para administrar o transporte entre as ilhas e o continente. Por volta de mil novecentos e carquerada, passamos quase uma existência ouvindo dos americanos do norte de que aqui não havia petróleo. E aconselhavam a nós irmos procurá-lo na Bolívia, noutros lugares. Monteiro Lobato foi preso diversas vezes por dizer que aqui tinha petróleo. Foi acusado de comunista (como se fosse pecado ser comunista). E a Petrobras é uma realidade, uma das maiores empresas do mundo. Os americanos do norte mentiam. Balela pura. Agora, dizem que somos incapazes de gerir a nossa própria vida. E deitam falação de que somos preguiçosos, que só queremos saber de carnaval, festas, futebol e mulheres. E eles têm razão, em parte, adoramos mesmo carnaval, futebol e mulheres. Essas idéias preconceituosas favorecem os de fora, ou seja, além de nos menosprezarem fazem com que sejamos os bobos deles. Assim é a idéia de privatização proposta para o transporte entre ilhas e o continente. Privatizar o quê? Dar dinheiro, o nosso dinheiro para uma cambada de safadinhos de toda ordem tomar conta? Não sou contra a privatização, sou contra a entrega graciosa do patrimônio público, como tem sido feito até hoje, para uma cambadinha vide os processos que tramitam no judiciário contra malfeitores de ocasião, sempre conhecidos de determinados e manjados, processos que não findam nunca, mas que apontam a malversação dos recursos do povo. O Estado é capaz sim, somos capazes sim, não temos que privatizar o que é do povo não. Quem diz de privatização é interessado particularmente em tirar proveito da situação sem esforço algum. É VITAL AFASTÁ-LOS DOS INTERESSES DO POVO. A PRIVATIZAÇÃO É NEFASTA PARA OS USUÁRIOS DO SISTEMA FERRY BOAT.

  6. AGERBIANO MATUTO

    Infelizmente eu vos digo: pela primeira vez tenho que admitir e concordar. Eu vos confesso pela primeira vez tenho que concordar com o leitor Fedegoso, uma pessoa discriminatória, odiosa, que acha que todo mundo é gay. Fedegooso tem a maldade na cabeça e em alguns dos seus comentários maliciosamente quase me obrigou a vos confessar que eu tinha um caso na Agerba só poque em defendo a Agerba. Defendo a instituição, que é a verdadeira razão da minha vida. Apesar de ser uma pessoa que gosta de discrminar, que acha que eu sou gay, que não sirvo pra nada, que eu sou melhor amando que odiando, eu concordo com este leitor cheio de picuinhas. A ponte para Itaparica é a melhor opção para a Ilha de Itaparica. Eu quero parabenizar e enaltecer de pé no altar ao governador Wagner pela determinação incabida. Estive lá passei o final de ano lá aquilo é uma vergonha. Maconha é coisa normal na Ilha, carros de som de Feira de Santana, de Santo Antonio de Jesus, uma vergonha. Ninguém respeita ninguém eu posso vos garantir QUE É UMA ANORMALIDADE em sua essência maior com a prostituição rolando na beira da estrada. Eu quero parebanizar ao nossa eminente e bravo governador Jaques Wagner pela coragem em desafiar esses incrédulos maior e lançar a ponte para Itaparica. E quero vos dizer do fundo de minha alma, que a Bahia merece muito Mais. Vamos Pra Frente Gabrielli, vamos pra Frente estimado e nobre deputado Zé Neto, vamos pra frente a Bahia do progresso. Abaixo os carlistas que vivem a nos esculhambar. Vocês sempre foram perseguidores e agora estão no canto da mediocridade. Bahia, a Terra de Todos os Nós para sempre; Bahia, sem discriminação, uma terra igual.

  7. Fernanda Katone

    Alguns defendem a estatização das empresas porque é fácil fazer dessas empresas os cabides de empregos e a ganância correr à solta nos cofres dessas estatais.

    A Petrobrás por exemplo é usada para as quadrilhas dançarem nas festas juninas e irrigarem as prefeituras para assegurarem os votos para elegerem os candidatos do sistema.

    Naturalmente que os defensores da estatização são todos aqueles que não tem competência para sobreviver num mercado competitivo e que somente vencem os melhores e os mais criativos.

    Fedegosos da vida são todos aqueles apaniguados que somente vivem às expensas dos chefes políticos que usam os velhos discursos do vagabundo marxista para se locupletarem.

    São todos aqueles comunistas/socialistas que combatem o capitalismo, mas estão com os bolsos cheio de grana e toda essa grana arrancada das estatais e lá fazerem suas caixas pretas.

    Enfim, fedegosos são todos aqueles preguiçosos, que querem distância do trabalho, até porque, existe uma diferença básica entre o mundo fascinante das idéias, onde tudo é só pensar para o desafiador mundo das realizações, onde tudo é só trabalho e competência e isso falta a esses fedegosos, pois só sabem filosofar o óbvio.

  8. Orlando Santos

    Esse AGERBIANO MATUTO deve viver as custas do governo Wagner. Tome vergonha na cara isso é brincadeira. Tudo q vc disse eu jogo na larta de lixo. Idiota vc deve ser uma mariazinha mesmo.

  9. Marcos Vilares

    AGERBIANO acabe de ser um cara complexado. O rapaz jamais disse que vc é gay não. Leia o comentário dele direito. Ele é a favor da ponte é vc que vai na onda e acha que ele tá lhe perseguindo não tem nada a ver.

  10. Valéria Pestana

    Bem, Em primeiro lugar, Bom dia a todos, ou boa noite, conforme a ocasião
    Não tenho a intenção de ofender ou magoar ninguém. Mas vai. Talvez, não explicitamente, com direito de resposta, etc, mas certamente alguém vai se sentir magoado, com certeza. Mas é para o bem comum…

    Quem me conhece bem (duas ou três pessoas) sabe que sou uma pessoa muito cética, é difícil acreditar em qualquer coisa, talvez até um pouco teimoso em admitir que algo que eu não conheça seja possível ou verdade. Não é por mal. Aprendi a me cuidar com a vida. É claro que agora já estou bem mais flexivel a reconhecer minha ignorância. Tem uma frase que eu gosto de repetir, não sei quem criou: “Enquanto mais a gente aprende, mais a gente reconhece o quanto somos ignorante…” Não sei se é bem essa a frase, mas é mais ou menos por aí.

    Tudo bem. voltando ao tema principal: Vimemos hoje na “era da informação”. Todo mundo, quer estar sempre bem informado sobre tudo o que acontece, em todos os lugares, em todos os setores. A propria globalização exige isso. Então ser uma pessoa sem informação é inconcebível. Por isso muitas pessoas procuram se informar de todas as formas possíveis: Livros, revistas, jobais, telejornais, blogs, sites,e-mails, etc.

    E é aí que mora o perigo. Onde buscar a informação correta? Em que locais buscar conhecimento. em quem confiar, quais fontes?

    Antes de falar sobre fonte de informação, vou falar sobre Desinformação. Informação todo mundo sabe o que é. mas desinformação é um pouco mais complexo, e dispende um pouco de raciocínio.

    Se eu não sei sobre um determinado assunto, ou fato, eu sou ignorante.
    Se eu obter uma informação incorreta, sobre um determinado fato, então eu sou desinformado.

    Nisto consiste a desinformação: prestar uma informação errada, criando a ilusão de que está transmitindo a verdade a outra pessoa, e criando nela a sensação de “possuidora do conhecimento”.

    O Assunto é realmente complexo, poderia ser escrito um livro sobre o assunto e não seria completamente esgotado.

    A Ponte? O PT? O Metrô? O combate a violência? a promiscuidade dos políticos com a criminalidade? a morte de Celso Daniel? os comunistas/socialistas que ficaram milionários, tais como: Lula, Wagner, Dilma, Rosemberg, Cal Figueredo, Daniel Almeida, José Dirceu, Genoino, Moema Gramacho, Pelegrino, Caetano, Rui Costa, Gabrielli… esses personagens combatiam o carlismo e seu enriquecimento e agora José? Como explicar suas fortunas?

  11. Fernanda Katone

    Por falar em ponte, estou a me lembrar do sistema Ferry Boat e vai uma bomba:

    A empresa picareta chamada LUMAR já recebeu através de TED mais de 12 milhões de reais.

    Surge as perguntas:

    1) A LUMAR emitiu nota fiscal eletrônica dessa grana toda?
    2) A LUMAR prestou contas dessa grana?
    3) O Ministério Público Estadual já pediu auditoria da gastança feita para “salvar” os ferries?

    Precisamos fiscalizar a destinação do nosso dinheiro, pois é fruto do suor dos trabalhadores e de quem realmente produz.

  12. Fedegoso

    Estão vendo! Estão vendo! Todo mundo de olho na botique dela, na bolsa da viúva. Por que são tão aferradamente favoráveis à privatização quando não querem pôr um só realzinho pra fora do próprio bolso? Por quê? Por quê!!!????

    E a vergonha na cara minha gente!…cadê?

  13. Guilherme

    Prezado Fedegoso, só mais um dado pra você. Na época de “privatizar” o ferry boat, o governador PAULO SOUTO, que sempre corre, se esquiva de falar sobre o tema ferry, pq ele é o grande reponsável, foi um irresponsável total, a justificatica era que o Governo gastava R$ 20 milhões por ano. Na realidade era uma mentira. Gatava menos da metade disso aí mesmo transformando a empresa num CABIDE deles. Pois bem, o Sr. Eraldo Tinoco, que era o secretário, muito amigo de Otto Alencar, ganhou a Bahia toda dizendo que os R$ 20 milhões que gastava iriam todo pra educação. Tudo mentira. Ficaram ricos. Muitos ficaram ricos com essa questão do ferryboat. Desde que o Comabe chegoiu aqui que foi um tal de molhar a mão de um, a mão de outro… A TWB nem se fala. Como gastou-se dinheiro. Também vendeu um ferry ao Estado por R$ 40 milhões quando valia no máximo R$ 20 mi. O dinheiro que dava não era dela. Como vendeu dois, já viu né? . Teve gente que encheu os bolsos. Tem gente que recebeu ap na Vitória, depois achou pequeno, procurou casa maior, foi pra Vilas, para Encontro das Águas, pra Sauípe. Um auê!.

    Só ouço o secretário Otto Alencar dizendo que o dono da TWB o tal do Reinaldo, vai ser preso. Eu pago pra ver. Não existe mais nada em nome desse cara. Não tem mais TWB, acabou. Era só picaretagem. E cadê os caras que defendiam a empresa na Bahia? Agora ninguém fala mais nada? Cadê Carlos Melo, Eva Chiavon, Rosembergo Pinto, Marcos Medrado? Sumiram. Nem vou citar aqui a raia miuda que recebia salário por mês, tinha um bocado de gente que recbia por mês…Oh. Então Fedegoso, se privatizar, é mais complicado roubar. Eu acho assim, se estiver errado, pode dizer. A contabilidade é mais complicada. Agora, com uma empresa “semi-estatal” na frente, fica mais fácil receber por fora. Entendeu agora qual é o problema do ferry? Entendeu? Quanto se gastou agora com a reforma dos ferries, doa navios meu Fedegoso? Vc acha que eu sou besta é Fedegoso?

  14. Vasconcelos - A ponte e o ferry.

    Sou inteiramente a favor da ponte Salvador-Itaparica, apesar de considerar o projeto um factóide.

    Prezado Fedegoso, só mais um dado pra você. Na época de “privatizar” o ferry boat, o governador PAULO SOUTO, que hoje sempre corre, se esquiva de falar sobre o tema ferry, pq ele é o grande reponsável, foi um irresponsável total, a justificatica era que o Governo gastava R$ 20 milhões por ano com o sistema. Na realidade era uma mentira muito bem difundida e que teve o apoio da imprensa, do povão otário. Gastava-se menos da metade disso aí, dos R$ 20 milhões, mesmo transformando a empresa estatal num CABIDE deles, do PFL, PDS etc. Por conta disso, deu-se um prejuíizo incalculável ao Estado, à Ilha de Itaparica, que acabou. Está acabadinha hoje em todos os níveis.

    Pois bem, o Sr. Eraldo Tinoco, que era o secretário de Transportes, muito amigo de Otto Alencar, ganhou a Bahia toda dizendo que os R$ 20 milhões que gastava por ano (parecia até que era ele) iriam todo pra educação. Tudo mentira.

    Na verdade, muitos ficaram ricos com essa questão do ferryboat. Desde que o Comab chegou aqui que foi um tal de molhar a mão de um, a mão de outro… A TWB nem se fala. Como gastou dinheiro. Também vendeu um ferry ao Estado por R$ 40 milhões quando valia no máximo R$ 20 milhões né? Sobrava muito.

    O dinheiro que dava, lógico, não era dela. Como vendeu dois, já viu né? Foram 40 milhões pra gastar com essas armações ilimitadas. Teve gente que encheu os bolsos. Tem gente que, dizem, recebeu ap na Vitória, depois achou pequeno, procurou casa maior, foi pra Vilas, para Encontro das Águas, pra Sauípe. Um auê!. Mas isso aí são comentários que só o MP pode checar porque na maioria das vezes se fala demais.

    Eu assisti rcentemente uma entrevista do secretário Dr. OTTO ALENCAR em VALELA (é assim que minha secretária chama VA LE LA) falando misérias do dono da TWB. Pois é. Dr. Otto declarou abertamente que o homem era ladrão.

    Só ouço o secretário Otto Alencar dizendo que o dono da TWB, o tal do Reinaldo, vai ser preso. Eu pago pra ver. Não existe mais nada em nome desse cara da TWB. Não tem mais TWB, acabou. Era só picaretagem? Eu gostaria de pegar aqui uma declaração, daquelas antigas, de gente desse governo defendendo a TWB: Wagner, Otto Alencar, João Leão…Existiam várias declarações em defesa do homem. É verdade ou não é?

    Dr. Otto só caiu na real bem depois. A Inês já estava morta. Existem inúmeras declarações. A TWB vivia de fazer lobby, de armar. Isto pra não se falar na ”raia miúda” que agia a favor dela nos bastidores. Claro que não agia de graça né? Lógico que não.

    Agora ninguém fala mais nada? Cadê Carlos Melo, Eva Chiavon, Rosembergo Pinto, Marcos Medrado? Sumiram. Nem vou citar aqui a raia miúda. Aliás, o Ministério Público disse que iria investigar muita gente, bloquear bens…Bloqueou? Eu não sei, estava viajando, na Europa, fiquei desatualizado. Tinha um bocado de gente que recebia por mês, a folha era alta, segundo dizem, então esse sistema, o ferry, não podia ir pra frente.

    Acho que nunca vai acontecer absolutamente nada com o dono da TWB por tudo isso. Veja bem, Fedgoso, o cara saiu daqui como saiu, como ladrão segundo OTTO ALENCAR, e ainda explora estacionamento dentro do ferry boat e ainda é o dono dos terminais marítimos de Morro de São Paulo, Gamboa e não sei mais onde, tudo concedido pelo Estado!!! Pode? Você acredita nisso? Acredite, é verdade.

    Então Fedegoso, se privatizar agora, é mais complicado roubar. Eu pelo menos acho assim, se estiver errado, pode dizer. A contabilidade é mais complicada. Agora, com uma empresa “semi-estatal” na frente, fica mais fácil receber por fora. Entendeu agora qual é o problema do ferry? Entendeu? Quanto se gastou agora com a reforma dos navios, Fedegoso? Deixaram apodrecer tudo, coisa de cinco, seis anos…pra reformar? Vc acha que eu sou besta é Fedegoso? Fique achando viu? Eu sou.

  15. Fernanda Katone

    É muito interessante citar o nome de Rosemberg Pinto.

    Esse Ser iniciou sua vida trabalhando na Fafen quando essa empresa não era Estatal, na função de operador.

    A Petrobrás comprou a Fafen, sabe-se lá por que razão, talvez até pelo mesmo motivo que comprou a refinaria dos Estados Unidos.

    Ao comprar a Fafen, esse Ser passou a ser empregado da Petrobrás sem qualquer concurso, ou seja, entrou pela janela.

    Após esse fato, esse Ser ingressou no movimento sindical através do Sindiquímica. Logo depois, ele e Wagner articularam a fusão do sindiquímica com o sindipetro e formaram o sindicato do Ramo Químico e Petroleiro.

    Já dentro dessa estrutura mais poderosa, pois o Sindipetro é quem tinha a maior arrecadação, o Rosemberg Pinto já fortalecido pelo poder do facínora do Lula, passou a ser Gerente Geral na Petrobrás e assessor de Gabrielli.

    Daí em diante, o dinheiro da Estatal ou viúva (como eles chamam debochadamente) serviu para cooptar prefeitos, pois o objetivo era eleger Wagner, seu comparsa histórico, como Governador da Bahia e conseguiram.

    Depois a sua saga era com o dinheiro da viúva, se eleger Deputado Estadual e conseguiu. E depois disso, já Deputado Estadual, esse Ser se aproximou de Reinaldo da TWB e lá passou a dar “apoio”, conseguindo se inserir na quadrilha da TWB, pois sua farra na Petrobrás foi reduzida depois da saída de Gabrielli e com a entrada de Graça Foster, que cortou suas asas, mesmo a contragosto do bandido do Lula.

    Vejam que todas essas facilidades que o poder possibilita, é muito fácil se locupletar dentro das estatais.

    E me aparece esses pseudo filósofos do óbvio sob o nick de FEDEGOSO, para defender um modelo que conduz à corrupção e ao enriquecimento fácil, tal qual está acontecendo com a LUMAR, pois os 12 milhões que essa empresa já recebeu vem dos cofres do Estado. Garanto que se o sistema fosse privado, não haveria chances para esses aventureiros e oportunistas.

  16. Valéria Pestana

    Privatização é um tema interessante e recorrente neste país.

    Na Era FHC privatizou e muito e os petistas ficaram fulos da vida e até hoje despejam sua fúria no PSDB.

    O PT entra no poder e cria a chamada PPP. Em verdade PPP singnifca Passando do Público para o Privado.

    Vejamos que o PSDB e o PT são exatamente iguais, por isso se repelem seguindo a lógica da física.

    Mas a privatização tem suas vantagens e a principal delas é que tira dos bandidos de plantão a possibilidade de usar a máquina estatal em seu proveito pessoal. O ideal é que o Estado controlasse os setores estratégicos, mas há grande diferença entre o ideal e a realidade.

    Vejamos alguns exemplos: EMBRAER, EMBRATEL, VALE DO RIO DOCE. Todas essas empresas foram estatais e hoje são empresas privadas, algumas até com a participação de alguns fundos de pensão de estatais.

    Alguém soube de desvios de recursos dessas empresas para financiar prefeitos no interior da Bahia? Alguém soube que essas empresas estão tendo prejuízos financeiro? Muito pelo contrário.

    Mas a PETROBRÁS vem sendo usada levianamente pelos petistas para seu próprio enriquecimento. A Petrobrás é usada para dar apoio social (é assim que eles chamam) aos prefeitos. Agora vejam quem são os prefeitos que recebem esse “apoio social”: Somente aqueles que fazem parte da base ou súcia.

    Essa é a verdadeira razão pelo qual o PT “defende” a Petrobrás ser estatal. O velho discurso que o Petróleo é Nosso é uma falácia.

    O Petróleo deixou de ser nosso a muito tempo, desde o dia em que o PT assumiu este país. Todas as nossas reservas de Petróleo pertence hoje aos chineses.

    E pode ter certeza de uma coisa: o dinheiro para a ponte é Chinês ou alguém tem alguma dúvida. Eles combatem os Estados Unidos, mas entregam tudo aos chineses e aos cubanos.

    BRASIL, UM PAÍS DE TOLOS!! BAHIA, TERRA DOS TOLOS NÓS !!!

  17. edivaldo

    Fala sério em,tudo no Brasil é uma bomba para ser entregue a população,exeto quando é para beneficios do governo.Esta ponte realmente já era para ser inaugurada antes das confederações,resultado ainda vai ter licitação para ver se realmente é construida?Olha o problema não é falta de verba é falta de iniciativa com garra e vontade.

Comentários estão suspensos