Eduardo Campos chama de ‘velhas rinhas’ embates entre PT e PSDB

Após governo e oposição anteciparem o debate eleitoral para a disputa presidencial de 2014, o governador de Pernambuco, Eduardo Campos (PSB), pediu moderação nesta quinta-feira, e criticou o que chamou de “velhas rinhas”. Segundo ele, a disputa entre PSDB e PT em nada contribui para o futuro.

Campos deu entrevista depois de cerimônia com 184 prefeitos pernambucanos, na qual foi interrompido seis vezes por aplausos e chamado aos gritos de “presidente”. No seminário “Juntos por Pernambuco”, ele anunciou um pacote de bondades de R$ 612 milhões para as prefeituras.

– Acho que esse é um ano complexo para o Brasil. Tudo que o país não precisa é estar montando palanque, manter essa velha rinha, discutindo o passado, coisas que não dialogam com a pauta do povo. A população está preocupada. O Brasil não cresceu no ano passado como se esperava, a gente tem que ajudar a presidente Dilma, ajudar a levar o país ao seu reencontro com o crescimento, que gera felicidade, oportunidade. Não é preciso eleitoralizar tanto a política brasileira assim. Sinceramente, não vejo como ajudar o Brasil, começando uma campanha eleitoral agora – disse ele. (Letícia Lins, O Globo)

Notícias Relacionadas