Promotor de Justiça acusado de estupro é preso por decisão do MPB

Salvador – O Ministério Público da Bahia efetuou na tarde de ontem a prisão do promotor de Justiça Marcos Antônio da Silva Gonzaga, que se encontrava foragido. A instituição deu cumprimento a mandado judicial expedido pelo Tribunal de Justiça da Bahia, que acolheu denúncia apresentada pelo MP, no ano de 2003, e condenou o promotor de Justiça pela prática do crime de estupro.

A iniciativa é mais um ponto para a gestão do procurador geral de Justiça do Estado, o chefe do MP, Wellington César Lima e Silva.

Notícias Relacionadas