Ferryboat: jornalista mostra superlotação e a ”dança” do “Ivete”

Carros saem na marcha ré do “Ivetão”: agonia para usuários.
REDAÇÃO DO JORNAL DA MÍDIA

A jornalista Jaciara Santos flagrou dois momentos (confiram os vídeos no final da matéria) registrando a situação enfrentada diariamente pelos usuários do sistema ferryboat. Ela estava entre os passageiros que embarcaram no ferryboat “Ivete Sangalo” no último dia 15, quando o navio apresentou um problema 10 minutos depois de ter saído do Terminal de Bom Despacho.

O “Ivete” teve que retornar ao terminal e atracar na reversão. Todos os passageiros foram desembarcados e os carros tiveram que sair na marcha ré.

“Pra quem diz estar preparado para sediar eventos internacionais como as Copas das Confederações (2013) e do Mundo (2014), a Bahia perde de goleada no quesito infraestrutura. Carros voltando de ré, gente se atropelando, um mangue. É a renovação do ferry boat prometida no Governo Jaques Wagner. E a culpa? É a herança maldita deixada pela TWB. Ah, me bata um abacate!”, disse a jornalista, em sua página no Facebook.

Jaciara postou os dois vídeos no YouTube. O primeiro, com os carros saindo de ré do “Ivete Sangalo”. O segundo, mostrando o desembarque no “Rio Paraguaçu”. As imagens não deixam dúvidas: os navios do sistema ferryboat estão trafegando com superlotação. No mesmo dia 15, o JORNAL DA MÍDIA contou mais de 1.100 passageiros espremidos numa viagem do ferry “Anna Nery”.

O risco de uma tragédia em caso de acidente é muito claro. O “Anna Nery” pode transportar 795 pessoas. Existiam pelo menos mais 300 passageiros excedentes a bordo. E a Capitania dos Portos nada faz.

E a Agerba, que é um ”órgão fiscalizador” e administra atualmente o sistema, permite a irresponsabilidade. Dá um péssimo exemplo. E não sabe explicar nada, não sabe informar nada com precisão e ainda garante que o ferry vai de vento em popa e que com “a normalização do calendário” os horários passaram a ser de hora em hora.

Que normalização de calendário é essa? O usuário não é obrigado a entender essas expressões modernas de ”navegação” adotadas pela Agerba, não é não? Seria a redução da demanda? Ou seria a normalização da maré? Ou seria a chegada das chuvas? Ou ainda, o calendário escolar? A Agerba anda inovando. A agência gosta de copiar a horrorosa TWB: em vez de incentivar o retorno dos usuários ao sistema, trabalha para afastá-lo.

Vídeo 1: Assista o “Ivete Sangalo” fazendo o usuário dançar.

Vídeo 2: Confira a superlotação o “Rio Paraguaçu”. Onde anda a Capitania dos Portos?

Notícias Relacionadas

23 Comentários

  1. Henrique - Vera Cruz

    A Agerba queria mesmo era dizer: é a normalização da esculhambação e da incompetência.

  2. Maria das Graças Nunes

    Deviam ter mais vergonha essas pessoas do governo que ficam prometendo e nãi cumpre. Mentirosos todos vcs. O serviço não presta e ninguém confia e quem precisa viajar de carro todo dia é que sabe a porcaria que é.

  3. Patrícia

    Atenção pessoal do Jornal da Mídia pq a matéria do ferry tá bombando nas redes sociais Facebook e Twitter. Todos os canais de jornalistas colocaram o link . Dêem uma conferida.

  4. Alexis

    Rapaz aquela leitora Larissa Reis que botou pra quebrar no comentário sobre a assessora de imprensa da Agerba colega dela fez o maior sucesso e foi bastante badalada é o assunto mais comentado na casinha dos mistérios. Mas pra tristeza de todos, foi proibida pelo chefão de ficar publicando comentário foi chamada de fofoqueira número 1. Só pq falou a verdade, mas eu acho q ela num tá aí não pq eu não vi nada demais. o problema é esse as pessoas são vaidosas demais.

  5. Vando

    Esses vídeos sao montagens..eu falei com bruno e ele disse que eh falso. E dr eduardo vai tomAr providenciados.

  6. M. Santos

    Esse Senhor Alexis é um desagregador e vive a promover a discórdia entre as pessoas. Ninguém proibiu nada seu mentiroso. Vá trabalhar e produzir para o Estado para fazer jus ao seu dinheiro infeliz.

  7. Jeferson

    Que maluquice eh essa? Vídeo falso? Isso aqui acontece todo dia nos terminais. Doído da Agerba com maluco da LuMar junto daH nisso. Babaquice dizer Qque o vídeo vídeo eh falso.

  8. Jaciara Santos

    ô Sr. Vando, eu nem sabia que meus colegas do JM iam dar esse destaque todo ao material, cuja qualidade nem está boa. Mas não entendi porque o senhor duvida da autenticidade?. EU FILMEI COM O MEU CELULAR Se quiser periciar, fique à vontade…

  9. Alexis

    Dona M. Santos…quem precisa trabalhar eh a senhora. Pare de jogar lixo debaixo do tapete. Pare de puxar saco do chefe. Eu trabalho e a senhora não. E não vivo de favores dos donos de ônibus nem nunca pedi ajuda pra fazer lipo. Eu sei das suas viu armadora. Cale-se.—

  10. Gentil

    Eu vou dizer uma coisa. Se continuar esta mesma confusão da Lunar..internacional e Agerba nos terminais não vai adiantar nada. Acho q dr.Bruno tinha que chamar todo mundo e apertar pois acho q o pessoal antigo tá insatisfeito com a Lumar e o usuário eh q se arromba.

  11. Maria do Socorro Dias - Barris

    Aqui pra nós vcs do Jornal da Mídia tão mostrando a realidade. Vcs destroem a propaganda mentirosa e deviam até ser reconhecidos pelo governo pq vc acabam ajudando, dando dicas a esses caras do ferry boat. qUALQUER TURISTA DEVE FICAR ENVERGONHADO. Uma vergonha o que acontece e na hora H ninguém aparece pra dizer nada. Só na hora da propaganda de que vai comprar 10 navios novos e aí tá todo mundo no VA LE LA!!!

  12. Lenise Ferreira

    Prezados, a meu ver, existem diversas situações ainda sem explicação e que me fazem pensar que a “INTERVENÇÃO” foi apenas balão de ensaio. Não duvido do MINISTÉRIO PÚBLICO ESTADUAL, representado pelas promotoras Rita Tourinho e Joseane Suzart que sempre demonstraram respeito e atenção aos pleitos encaminhados a elas. Mas, em se tratando de determinados órgãos do governo Estadual, onde inclusive acho que tem uma caveira de burro enterrada, não posso depositar muita credibilidade.

    Ninguém fala mais das dividas e dos rombos deixados pela TWB, ninguém se manifesta em relação à exploração dos terminais de Morro de São Paulo e outros ainda administrados pela referida empresa e que há pouco tempo, eu mesma encaminhei para o Sr. Bruno, a documentação da proposta de venda da “concessão” feita pelo Reinaldo a um proprietário de embarcações naquela região. Ninguém fala da exploração do estacionamento de São Joaquim que esta em estado de degradação mas ainda explorado por prepostos da TWB.

    Os funcionários da TWB ainda são chamados e se identificam como tal nas embarcações. No período do carnaval um deles conseguiu convencer o interventor a instalar novamente os TAPUMES prejudicando os comerciantes. Vale salientar que esta é uma antiga “picuinha” do Reinaldo para com aquela gente. Não se houve falar como ficará a situação dos funcionários da famigerada TWB. Sabemos que o Estado esta arcando com os salários e reformas das embarcações. Nos terminais, nada mudou. Tudo como dantes.

    Outro dia um funcionário da TWB foi o “interlocutor” da demissão de um comandante e fez chegar ao conhecimento dele, o que é a mais absoluta mentira, que eu teria solicitado a demissão dele através de um pedido ao sec. Otto Alencar. Pois bem, este mesmo rapaz, ainda funcionário da TWB, garantiu que o funcionário voltará tão logo a Internacional Marítima assuma.

    Os reparos feitos no ferry Rio Paraguaçu realmente não aparecem aos nossos olhos. Tenho motivos de sobra para colocar em dúvida a competência de quem realizou tal obra. O ferry, como todos sabem logo que retornou apresentou problemas mecânicos e o aspecto é horrível. A ferrugem esta destruindo tudo. Os sanitários fazem medo, corremos o risco de nos ferir num deles e até adquirir um tétano. Quem vai pagar por tudo isto? Quem vai colocar ordem na casa? A AGERBA não consegue nem mesmo fazer cumprir os horários estabelecidos pela própria. Quem vai fiscalizar a AGERBA? Quem vai fiscalizar os serviços prestados pela LUMAR ou sabe Deus que nome tem o responsável pela recuperação das embarcações.

    O ferry Ivete Sangalo tem ainda outro grande problema. Como ele era movido a gás, existe nele ainda a instalação dos equipamentos destinados ao abastecimento daquele tipo de produto. Segundo o interventor Bruno, logo que possível, a embarcação será levada para alto mar onde será desmontado este equipamento que oferece risco de explosão.

    Mais uma vez eu pergunto: Porque o Estado esta tão quieto em relação a toda esta miséria praticada pela TWB. Porque ninguém do quadro da AGERBA foi substituído apesar da certeza de que houve permissividade, omissão, negligência e prevaricação (ART. 319 – CÓDIGO PENAL BRASILEIRO: retardar ou deixar de praticar, indevidamente ato de ofício, ou deixar de praticá-lo contra disposição expressa da Lei, para satisfazer interesse ou sentimento pessoal), por parte de alguns funcionários da agência reguladora e fiscalizadora do Estado.

    Nada, absolutamente nada do que constou no relatório apresentado pela FIPECAFI foi novidade para AGERBA /SEINFRA, eu mesma tenho protocolos diversos de denúncias, pedidos de providências de audiências, realizei duas audiências públicas para discutir os problemas e hoje vejo que nada mudou, ninguém foi punido, a não ser, os usuários do sistema ferry boat e os empresários que dependem dele para desenvolver seus negócios.

    Como disse o nosso querido João Ubaldo Ribeiro: enquanto a ponte não vem, vamos morrer por depender do ferry?

  13. Fedegoso

    Jornalismo é crítica. Jornalismo que elogia é espuma. Não temos como contemporizar com “malfeitos”, seja ele qual for de onde vier. Dizer que a filmagem é “montagem”… é remendo que piora o soneto. O Estado investiu um bom dinheiro no transporte marítimo e os efeitos começam a surtir. Não tivemos um carnaval tão ruim conforme o esperado. Sabemos disto. O que me preocupa são os passos futuros. O que vão fazer com o negócio? Os aventureiros estão atentos, não estão dormindo. E vão comer a couve, enquanto ficamos aqui discutindo que “fulano ama cicrano que ama beltrano”?
    Resumindo. O Estado ao enxotar uma empresa por falta de poder de investimento e ocupar o espaço do empreendedor lascando uma grana feia no negócio (o que a empresa despojada havia se recusado), não pode agora começar tudo de novo entregando graciosamente o negócio sem custos para quem quer que seja. Não há justiça no procedimento que se antevê. E se não há justiça, o que podemos achar disto? Pois é! Não acredito em regulação neutra nem inocente.

  14. Ivan Acioly

    Uma notícia não muito boa. Censuraram fregião. Ordem superior.procurem saber.

  15. Ivan Acioly

    Parabéns a Lenise pelas colocações valiosas. Parabéns ao leitor Fedegoso por suas colocações sempre oportunas e muito inteligentes.

    Concordo: o Estado não pode começar tudo de novo, Fedegoso; Eis aí uma boa questão para os homens do governo.

    Eles são sábios, acredito. Não é mais possível se continuar errando tanto. A Internacional Marítima, viu dona Lenise, não é nem um ppouco melhor que a TWB.

    Aliás, eu pergunto: ela vai trazer o que mesmo para a Bahia? O sistema tem SETE FERRIES, um sumiu, o IPUAÇU, a Agerba diz que não sumiu, que tirou do terminal e nunca diz onde anda. Ela, a Internacional Marítima, vai só trazer homens? Chega, eu quero mais mulheres.

    Sete navios e vai comprar mais 3 que chegam daqui a 3 meses. Pra entregar a Internacional Marítima ? Tem alguma coisa que não combina. Concordo inteiramente com Fedegoso: os espertalhões estão de olho no bom negócio e vão mamar de novo e distribuir a mamadeira pra muita gente. É isso?

  16. José Azevedo

    Eu fico realmente sem entender como é que na época de hj ainda tem gente tão covarde, tão puxassaco, com mente tão entreita. Eu estava aqui a ler os comentários quando me deparei com um de um tal Vando dizendo que os vídeos reproduzidos pelo Jornal da Mídia eram falsos, montados e que o Bruno tinha dito a ele e que “Dr. Eduardo Pessoa” ia tomar providências.

    Pode uma coisa dessa? Uma imbecilidade dessa? Que providência é seu Vando ? O Sr. deve ser da cozinha dos homens pra afirmar com tanta convicção. Pelo amor de Deus. Respeite as pessoas, Sr. Vando. A autora do vídeo já deu o seu depoimento e o Sr. ainda vem falar uma bobagem dessa como se todo mundo tivesse medo. Se compreenda. Existem vídeos bem piores que esses mostrando a esculhambação do ferry boat. O problema na Bahia é denunciar. Quando se denuncia aparecem esses caras chatos. Eles sempre sobrevivem assim dentro das repartições públicas. Competência que é bom, nada.

  17. Vital

    O que me deixa perplexo é que a Agerba por total desconhecimento da matéria, vem apoiando as aventuras da Internacional e, principalmente, da aventureira LUMAR.

    Desde a época da TWB que se vem fazendo substituições dos MCPs do Ferries. Até aí tudo bem! Ocorre que, em vez de efetuarem as substituições colocando equipamentos com a mesma potência inicial ao que fora projetado, eles efetuam as substiuições dos MCPs projetados por MCPs de menor potência. Algum “iluminado” da TWB teve essa infeliz idéia e as embarcações trabalham com os novos motores sobrecarregados, tem redução da vida útil desses MCPs, maior consumo de combustível e o mais grave de todos: o risco de acidentes durante as manobras.

    Vejam o que ocorreu com o Juracy Magalhães: Esse Ferry tinha dois MCPs de 800 HP cada um. Os “iluminados” da TWB substituíram por dois de 600 HP. No verão, o quadrante dos ventos predominantemente é Norte. Portanto, em manobras em Bom Despacho, principalmente pela tarde, quando o vento Nordeste é intenso, aliado a área vélica da embarcação, necessita de muita potência dos motores para possibilitar controlar toda sua inércia e possibilitar o giro quando em manobras de desatracação ou possibilitar o controle nos ajustes finos quando em manobras de atracação. Essa embarcação numa manobra em Bom Despacho foi totalmente dominado pelos ventos, apesar do Comandante acionar toda força disponível dos propulsores, mas foi em vão, pois não tinha potência suficiente para controlar e assim a embarcação veio a encalhar nas proximidades do molhe. O Comandante está respondendo inquérito na Capitania.

    Vários acidentes já ocorrem e a maioria por essa grave mudança. O curioso é que a Capitania dos Portos não vem observando esses fatos. Pior ainda: é que tem Engenheiros Navais assinando ARTs dando suporte a esse grave procedimento.

    Creio que o Ministério Público Estadual deveria se atentar a esse fato, pois não é possível acreditar por mais leigos que sejam as pessoas, que uma embarcação que fora projetada e construída com motores de uma determinada potência e anos após, essa potência é reduzida sistematicamente, irá oferecer a mesma segurança? O MPE deveria levantar todos os acidentes que já ocorreram e analisar cada um.

    Pois bem: Tanto a LUMAR como a Internacional vem dando suporte a esse descalabrado perigoso e a Agerba que nada entende de navegação e suas complexidades, vem caindo nessas ciladas. Alguém está se beneficiando com isso ou é incompetência cada vez mais patenteada?

  18. Fernanda Katone

    E por falar em F/B Juracy Magalhães. Essa embarcação foi submetida a reformas perigosas pela TWB.

    Aumentaram a superestrutura a tal ponto que o centro de gravidade foi elevado perigosamente. Quando perceberam a M… que fizeram, passaram a colocar lastro de pedras no porão para tentar dar mais equilíbrio.

    Ocorre que, quando tem mar com ondas maiores a embarcação é retirada de tráfego, pois corre o risco nos movimentos de um bordo para outro, não mais voltar e tombar no mar.

    Pergunta: Quem vistoriou essa embarcação quando estava na Capitania dos Portos? Onde está hoje esse mesmo vistoriador?

    Alguém conhece Martinelli? Alguém conhece Samir? Alguém conhece Welinton? Se alguém conhece algum esses personagens, perguntem a eles a razão disso tudo.

  19. Onilton Motta

    O diretor Cássio Moreti se dirigiu ontem numa reunião na assessoria de imprensa com a companhia do seu grupo de concursados para se colocar em total disposição da nova asssessora, apresentando que todos estão empenhados em contribuir com a assessora no que for preciso. No meio da conversa o diretor se dirigiu dizendo para a assessora não se importar com o blog do jornal porque eles já disseram desde que eu cheguei como diretor que eu ia cair e eu estou aqui há 3 anos. A reunião foi presenciada por várias pessoas da Projur e da Aspe e o diretor destacou a competência da nova assessora da Agerba e disse que ela não tava no cargo pelos belos olhos mas pq foi escolhida a dedo por Dr. Eduardo Pessoa. O diretor fez outras críticas ao blog mas só depois que eu pegar as conversas com mais prfundeza posso dizer o que foi.

  20. Mendes

    Esse negócio de bloquear e-mail dos outros é grave na Agerba. A responsável pelo setor de informática volta de novo a atacar e ninguém pode receber nada do Jornal da Mídia. Eu vejo do meu celular sua besta. e ainda foi pra Seinfra agitar e solicitar ao gordo pra bloquear também. Deus ajude que alguém denuncie., apesar de não entender de nada de informática ela só tá no cargo só Deus sabe como é um caso sério mesmo.

  21. Fedegoso

    Senhora Denise, o governador acaba de mexer com cúpula da polícia civil. Antes, correu a notícia que o Secretário de Segurança Pública ia rodar. Não rodou. Mas, um pouco antes, correu a notícia de que ele estava insatisfeito por conta da perícia que não sai sobre o incêndio na secretaria de educação. A perícia não saiu, mas a cúpula da polícia civil rodou. Ameaça o governador uma mudança drástica em seu secretariado. E as agências de regulação? Correm o mesmo risco? O descendente de italianos disse que há mais de três anos está no fio da navalha, mas desafia os prognósticos quando dizem que ali não há regulação inocente nem neutra. Qual a extensão das mudanças propostas pelo governador? Ah! O ex-secretário de educação de um município, segundo os jornais, anda mal avaliado, mas de bolso cheio, busca provar o Ministério Público. Senhora Denise, a coisa tá ficando feia!?…

  22. NINA

    VITAL, a AGERBA não esta caindo na cilada, ela esta permitindo que esta cilada persista. Tanta maracutaia por trás da TWB que ela prefere ter por perto quem fale a mesma linguagem de antes. Vamos aguardar a promessa de um ex diretor do departamento jurídico da AGERBA que prometeu botar a boca no mundo ainda este ano. Ele foi preso na operação expresso e não esqueceu ainda.

    A presença do Martinelli na atual administração vestindo a camisa da LUMAR é prova de que a AGERBA quer por perto quem fale a mesma lingua de antes. A única competência cobrada aqui não é em relação à prestação de serviços nem tão pouco a satisfação e segurança dos usuários.

    GENTE voces viram a propaganda de um EMPREENDIMENTO IMOBILIÁRIO hoje na TV Bahia? VIVER BEM ITAPARICA? O empreendimento esta localizado exatamente na àrea em que a TWB pretendia construir o ESTALEIRO que contou com total apoio do CARLOS MELO da casa civil. INTERESSANTE não acham?????

    A TWB deixou um rombo nos cofres do ESTADO que agora paga as contas deixadas por ela sem nada dizer. Quem ficará com a verba do tal empreendimento? O REINALDO botou pra fora daquele espaço até uma creche que existia ali. A quem pertence o empreendimento? O MINISTÉRIO PÚBLICO lá em ITAPARICA tentou por vêzes desocupar o terreno ao lado do terminal que foi invadido e hoje me deparei com a divulgação deste empreendimento. Verifiquem o site http://WWW.VIVERBEMITAPARICA.COM.BR

    Eitaaaaaaaaa tem é coisa por trás da passagem da TWB por aqui. Tem muita gente com rabo preso mas muito bem de vida……kkkkk

    D. Lenise, quem sabe vão comprar o material na sua loja, sorria, pode ser bom para a senhora no final das contas. Lógico, se o Reinaldo deixar….ele tem olhos e ouvidos por tudo quanto é canto.
    Não é mesmo Dr. Bruno Cruz?

  23. Fedegoso

    Dona Nina, não é sempre que as lágrimas sinalizam tristeza. Jacaré mesmo é assim, enquanto trucida a vítima, a mastiga, deixa as lágrimas correrem. Tem gente que chora de rir. As agências são assim, quanto aperta um, é por folga de outro. Ou vice-versa. Não pode ficar rico quem ganha oito mil reais/mês. Nem pode aceitar essa “mixaria” quem tem mil cabeças de gado. Quando o que é público se mistura com o privado é o povo feito de besta, garantem alguns. Por isso!…Chega! Chega! Só dá picareta….

Comentários estão suspensos