Lídice garante que PSB ”está no páreo” para disputar sucessão de Wagner

Aliada de primeira hora do governador Jaques Wagner, a senadora Lídice da Mata, num claro recado aos que buscam antecipar a sucessão do chefe do Executivo baiano, em especial ao PT, que não cansa de propagar que possui prioridade para encabeçar a chapa, diz esperar que não haja imposições na construção do processo.

“Eu acho que a tradição do PT ultimamente tem sido esta, a de não abrir mão. Aliás, essa regra que o PT adotou está aí para ser contrariada pela vida. Ninguém pode colocar regras que sejam imposições que os outros não possam concordar no processo democrático”.

O seu partido, conforme ela, inclusive, está no páreo por possuir legitimidade. Segundo ela, “há uma disputa na área do desejo”. Mais além, a senadora não descartou o risco de divisão da base.

Também presidente estadual do PSB, Lídice evita fazer projeções sobre o posicionamento da sigla no que diz respeito à disputa presidencial e prefere não antecipar se o presidente nacional da sigla, Eduardo Campos, será candidato a presidente. (Tribuna)

Notícias Relacionadas