Vitória bate o Ceará em Fortaleza e abre vantagem para o jogo de volta

Escudero é festejado depois de marcar o segundo gol do Leão
O Vitória fez bonito na primeira partida das quartas de finais da Copa do Nordeste. Jogando no Estádio Presidente Vargas, em Fortaleza, o Leão bateu o Ceará por 2 a 0, com gols de Renato Cajá e Escudero, e vai fazer o jogo de volta com vantagem para carimbar a classificação à fase seguinte da competição. A partida vai acontecer às 16 horas do próximo domingo, no Barradão.

O resultado faz com que o Vitória tenha a vantagem de perder por um gol de diferença no Barradão, em Salvador, para conseguir a vaga. O Ceará precisa vencer por três ou mais gols de diferença para avançar, ou tentar fazer 2 a 0 para levar a decisão para os pênaltis. No entanto, um triunfo por dois gols a partir de 3 a 1 dá a vaga aos cearenses, em função do maior número de gols fora de casa.

Apesar de ter mais posse de bola na primeira etapa, o Ceará não aproveitou as oportunidades criadas. O Vitória explorou bem os contra-ataques. Mais eficiente, o time baiano abriu o placar aos 28 minutos. Após cruzamento na área do Ceará, Renato Cajá subiu e marcou de cabeça.

Atrás no placar, o Ceará começou a segunda etapa pressionando o Vitória. O Leão da Barra esperou o Ceará no ataque para sair nas jogadas de contra-ataque. E não deu outra. Aos 12 minutos, Escudero recebeu bola próximo a grande área, tirou do lateral Eric, e finalizou direto pro gol, sem chances para Fernando Henrique.

Pressionado pela torcida, que começou a vaiar o time, o Ceará foi todo paraa frente, chutou uma bola na trave perdeu um pênalti com Magno Alves, defendido por Deola.


Confira no vídeo o segundo gol do Vitória

Ceará 0 x 2 Vitória
Local: estádio Presidente Vargas, Fortaleza
Árbitro: Sandro Meira Ricci (PE)
Assistentes: Clóvis Amaral da Silva (PE) e Wilton José Lins da Silva (PE)

Ceará: Fernando Henrique, Erick, Cleiton, Rafael Vaz, Gerley (Lulinha); Diogo Orlando, Gabriel, João Marcos, Ricardinho; Magno Alves e Anselmo (Pingo). Técnico – Ricardinho

Vitória: Deola; Nino Paraíba, Gabriel Paulista, David Braz e Mansur (Cardozo); Rodrigo Mancha; Cáceres, Luís Alberto, Renato Cajá; Marcelo Nicácio (Marquinhos) e Escudero (Maxi Biancucchi). Técnico – Caio Júnior


Confira o primeiro gol do Vitória

Notícias Relacionadas