Incêndio deixa 1200 desabrigados e destrói 70 casas no Chile

AGÊNCIA ANSA

Santiago do Chile – A Oficina Nacional de Emergências (Onemi) do Chile, departamento do Ministério do Interior, informou que 70 casas foram destruídas e mil e duzentas pessoas foram evacuadas devido ao um incêndio que atingiu ontem o porto chileno da cidade de Valparíso.

No local, a 140 quilômetros de Santiago do Chile, trabalham mais de 16 unidades do corpo de Bombeiros de Valparíso e Viña Del Mar em conjunto com a Cooperação Nacional Florestal (Conaf), polícia e o Exército.

A Onemi decretou alerta vermelho pelo incêndio que começou no setor florestal de San Roque e se propagou atingindo as casas da região.

O vice-secretário do Interior, Rodrigo Ubilla, descartou decretar estado de exceção pelos supostos saques ocorridos na região atingida e assegurou que apenas se registraram casos pontuais de roubos.

“Não há registro de nenhum saque, confirmei com o General da Polícia, José Luis Ortega. Há informações sobre pessoas que roubaram coisas. São denúncias específicas e particulares”, disse ele.

O prefeito de Valparaíso, Jorge Castro, informou que o município oferecerá toda a ajuda que as famílias atingidas requerem, e anunciou a disponibilidade de albergues para os desabrigados.

AnsaLatina

Notícias Relacionadas