Lojistas esperam vendas e inadimplência em baixa

Mariana Branco
Agência Brasil

Brasília – As vendas do varejo devem encerrar 2013 em alta, mas com crescimento menor do que o registrado em 2012. A inadimplência do consumidor tende a ficar em patamar inferior ao do ano passado, apesar da alta registrada em janeiro. As previsões são da Confederação Nacional dos Dirigentes Lojistas (CNDL), que divulgou hoje (14) elevação de 11,8% da inadimplência do consumidor e crescimento de 3,88% das vendas no primeiro mês do ano, na comparação com janeiro do ano passado.

De acordo com a economista Ana Paula Bastos, do Serviço de Proteção ao Crédito, vinculado à CNDL, a expectativa de crescimento menor nas vendas está relacionada ao fato de 2012 ser base de comparação atípica. Segundo ela, os resultados do ano passado foram fortes em razão da política de incentivo ao consumo. Por esse motivo, em 2013 não são esperados números elevados.

A economista disse que há preocupação com a alta da inadimplência e possível aumento da inflação. Os dois fatores podem provocar elevação dos juros e fazer com que o consumidor perca a capacidade de saldar as dívidas. Ana Paula Bastos diz que a confederação acredita que em 2013 haverá um cenário econômico positivo, com inflação controlada. “Com a inflação sob controle e taxas de juros menores, a tendência é as pessoas quererem recuperar seu crédito. Elas aproveitarão os juros baixos para renegociar as dívidas”, declarou.

Notícias Relacionadas