Para Cardeal, nacionalidade não é revelante para a escolha do papa

CLÁUDIO HUMBERTO

O arcebispo de São Paulo, cardeal Dom Odilo Pedro Scherer, afirmou nesta quarta (13) que a escolha do novo Papa não será feita com base em seu país de origem. Ao ser questionado por jornalistas sobre os rumores de que ele poderá ocupar o cargo, o religioso se esquivou.

“Acho que seria muita pretensão um cardeal dizer ‘eu estou preparado’. É muito mais um julgamento dos outros do que o próprio”, disse. “Ao longo da vida, a gente vai dando conta do recado que nos é confiado”, completou.

O papa Bento XVI pediu renúncia do cargo aos 85 anos. Ele anunciou que deixará o papado no final deste mês porque, segundo o Vaticano, sua vitalidade “estava diminuindo com o avanço da idade”. (Coluna de Cláudio Humberto)

Notícias Relacionadas