Crise econômica faz italianos substituírem jantar por aperitivos

AGÊNCIA ANSA

Roma – A crise econômica tem mudado alguns hábitos dos italianos, de acordo com a Confederação Italiana de Agricultores (Coldiretti). A entidade estima que mais de 16,5 milhões de pessoas estão substituindo o jantar por aperitivos, principalmente durante o fim de semana.

De acordo com a Coldiretti, um número sempre maior de italianos, em particular os jovens, estão renunciando ao tradicional jantar em pizzarias ou restaurantes e preferindo a chamada “aperi-janta”, um aperitivo reforçado em que pode se comer à vontade, pagando somente o preço de uma bebida.

A nova refeição é comum em toda a Itália, especialmente em regiões metropolitanas, como Roma ou Milão.

O aperitivo virou um pilar das novas relações sociais dos italianos, tradicionalmente ligados ao aspecto social das refeições. Segundo a Coldiretti, o aperitivo tem uma “potência agregadora” de pessoas, também com faixas etárias diferentes.

AnsaLatina

Notícias Relacionadas