Audi inicia 2013 com aumento nas vendas mundiais

No Brasil, as vendas da Audi registraram um aumento de 25%, o melhor janeiro da história com importados
No Brasil, as vendas da Audi registraram um aumento de 25%, o melhor janeiro da história com importados

Seguindo o mesmo caminho de sucesso conquistado em 2012, a Audi AG inicia o ano de 2013 com crescimento nas vendas mundiais. Em janeiro, a marca dos quatro anéis entregou cerca de 111.750 veículos, um aumento de 16,3%, em todas as regiões do mundo. O êxito nas vendas dos modelos A4 e Q5, ambos de médio porte, contribuíram fortemente para esse avanço. Os números de janeiro superaram os de dezembro de 2012, sendo que, na China, houve um aumento de 38,5%, nos EUA de 7,5% e na Europa de 8,6%. Outro destaque é que a Audi Brasil teve o melhor janeiro da história, com um avanço de 25% nas vendas com importados.

“A situação econômica dos países europeus ainda é desafiadora, mas ainda assim, conseguimos iniciar o ano com muito sucesso em todas as regiões do mundo”, ressalta Luca de Meo, vice-presidente mundial de marketing e vendas da AUDI AG. “Os nossos modelos SUV estão em alta e, juntamente com o novo A3, iremos manter o alto padrão de crescimento para este ano”, completa.

No mês passado, cerca de 37.678 clientes da China optaram por um modelo da marca alemã. Em 2012, ano em que ocorreu a celebração do Ano Novo Chinês, as vendas caíram devido ao alto número de feriados, mas neste ano, a data só será comemorada em fevereiro. Os carros de produção local da Audi, como o A4L, o Q5 e o A6L, foram os mais vendidos no mês passado. Aproximadamente 13.657 consumidores receberam as chaves dos seus sedans de luxo (+52,9%).

Em todo o mundo, as vendas dos modelos da linha de médio porte, como o A4, A5 e o Q5, apresentaram um grande crescimento (50.800 unidades, +24,6%). O A1 Sportback, lançado há apenas um ano, juntamente com o Q3, garantiram o crescimento nas vendas mesmo em mercados que tiveram dificuldades econômicas, apresentando um aumento de 8,6% na Europa.

Na Alemanha, as vendas do popular SUV Q5 subiram 70,1% com um total de 1.553 unidades entregues, já a família do A4 teve 2.100 unidades. No geral, a Audi apresentou um aumento de 11,8% no mercado doméstico, o equivalente a 14.611 automóveis vendidos. No Reino Unido, graças a grande procura por veículos de médio porte, a fabricante alemã vendeu 9.878 unidades, apresentando um crescimento significativo de 15,3%. As entregas do A5 Sportback, por exemplo, aumentaram 48,1% e as do Q5 – 54,4%.

A Audi também alcançou um excelente desempenho, em janeiro, nos mercados onde a situação econômica, nos últimos meses, apresentava grandes desafios. Na Espanha, a marca dos quatro anéis aumentou sua demanda em 8,6%, com 2.754 unidades entregues. Já na Itália, foram vendidos 3.767 veículos, um crescimento de 3,9%. Na França, a companhia conseguiu manter o mesmo total de entregas do ano anterior, 4.011 unidades. Na Europa Oriental, a marca continuou com boa participação no mercado, sendo a Rússia condutora desse crescimento, conseguindo aumento nas vendas em 19,8%, um total de 1.725 unidades vendidas.

Assim como nos Estados Unidos, a montadora de Ingolstadt ultrapassou as vendas de janeiro de 2012, tornando o início deste ano o de maior sucesso da história da Audi nos EUA. A marca aumentou as vendas em 7,5% com 10.056 unidades vendidas. Os modelos de médio porte têm sido sucesso no País, com aumento anual de 13,6%. Na América Latina, o México (+48,6%) e o Brasil (+25%) também obtiveram resultados significativos nas vendas de janeiro.

Notícias Relacionadas