PRF reforça policiamento nas estradas para diminuir acidentes durante o carnaval

 Agência Brasil

Rio de Janeiro – Os motoristas que deixarem a cidade durante o carnaval encontrarão reforço no patrulhamento em trechos das rodovias BR-101, sentido Região dos Lagos, e BR-040, sentido Região Serrana. A Polícia Rodoviária Federal divulgou hoje (08) que esta medida foi tomada devido ao alto índice de acidentes registrados no mesmo período do ano passado.

Segundo dados da PRF, na BR-101 Norte ocorreram 51 acidentes no carnaval de 2012, deixando 23 pessoas feridas e quatro mortos. Já na BR-040 foram oito acidentes, com cinco feridos e um morto.

“Aumentamos o policiamento nos pontos que se mostraram mais perigosos no ano passado. Estamos trabalhando com motopoliciamento, para ter mais mobilidade e tornar mais rápido o atendimento ao cidadão. Teremos também um reforço de efetivo”, explicou a inspetora da Polícia Rodoviária Federal Marisa Dreys.

Há dois dias, a PRF iniciou a Operação Carnaval nas rodovias que passam pelo Rio de Janeiro. Somente na BR-101 Norte, que dá acesso à Região dos Lagos, já foram aplicadas mais de 400 multas por velocidade. A alta velocidade é considerada a principal causadora de acidente nas vias.

A inspetora Marisa Dreys alerta aos motoristas para ficarem atentos às condições de seus veículos. Além disso, lembra que é preciso ter um comportamento critico na rodovia, “no sentido de sempre adequar a sua velocidade e as ultrapassagens às condições que o trânsito oferece”. Ainda segundo ela, “a velocidade máxima não pode ser a velocidade média que este veículo vai trafegar”.

Marisa Dreys também lembrou que, em caso de chuvas fortes, o motorista deve ligar o farol baixo para tornar o veículo mais visível para os demais, além de reduzir a velocidade e aumentar a distancia do veículo que vai a frente.

Ainda segundo a inspetora, as pistas simples, também conhecidas como vias de mão dupla, são os trechos mais perigosos das viagens, devido às ultrapassagens apressadas e mal calculadas. O levantamento da PRF divulgado hoje aponta que a colisão frontal foi a maior causa de mortes no carnaval passado. Foram 103 acidentes, deixando 265 pessoas feridas e 86 mortos.

O tráfego de pedestres pelas rodovias nos feriados foi o segundo maior fator de acidentes com morte no carnaval passado, deixando 86 pessoas feridas e 24 mortos. A inspetora também se pronunciou sobre os cuidados que devem ser tomados pelo pedestre: “Se ele vai utilizar a rodovia, não deve beber no trajeto, porque acaba perdendo a noção exata de avaliação de distância e tempo que tem para fazer a travessia”.

Notícias Relacionadas