Prêmio Nobel italiana morre aos 103 anos em Roma

AGÊNCIA ANSA

Roma – A senadora vitalícia da Itália e prêmio Nobel de Medicina, Rita Levi Montalcini, morreu hoje aos 103 anos em Roma, segundo informações da Polícia da capital italiana.

A senadora italiana morreu por volta das 14 horas locais (11h horário de Brasília) em sua casa na Villa Massimo, uma zona residencial de Roma. Estavam com elas algumas pessoas próximas que chegaram a chamar uma ambulância quando perceberam que o quadro clinico dela havia piorado.

“Uma luz de vida se apagou”, essas foram as palavras de Piera Levi-Montalcini, neta de Rita Motalcini, após saber da notícia.

“Se apagou como se apaga uma luz, Pelo menos ela não sofreu”, completou a neta, que está em um trem indo para Roma para encontrar com seus familiares.

AnsaLatina

Notícias Relacionadas