Anatel vai fiscalizar transmissão de dados no dia das eleições

Sabrina Craide
 Agência Brasil

Brasília – A Agência Nacional de Telecomunicações (Anatel) vai colocar um funcionário em cada estado à disposição dos tribunais regionais eleitorais (TREs) no dia das eleições municipais para mediar possíveis problemas de transmissão de dados que possam acontecer durante o pleito. A medida foi anunciada hoje (28) pelo presidente da Anatel, João Rezende, durante reunião com a presidenta do Tribunal Superior Eleitoral (TSE), ministra Cármen Lúcia, e representantes das empresas de telefonia de todo país.

O objetivo é prevenir qualquer ocorrência que possa atrasar a votação e a apuração das eleições. Rezende disse que a Anatel vai se reunir nesta semana com representantes das empresas para pedir atenção redobrada no dia da eleição (7 de outubro).

Cármen Lúcia relatou a Rezende as reclamações dos TREs em relação aos contratos firmados com as operadoras de telefonia devido a falhas nos serviços dos links de longas distância e transmissão de dados. Ela disse que, em julho deste ano, durante o registro de candidaturas, já foram detectados alguns problemas.

Notícias Relacionadas