PF faz operação para combater crimes eleitorais no Rio de Janeiro

Rio de Janeiro – A Polícia Federal e o Ministério Público do Rio de Janeiro (MP-RJ) desencadearam no início da manhã de hoje (27) uma operação para recolher provas e produtos resultantes de crimes como captação de voto ilegal, fraude eleitoral, fraude em licitação, formação de quadrilha e peculato (quando o servidor público se apropria de bens em função do cargo).

A Operação Arreica, como foi batizada, conta com 133 policiais para cumprir 34 mandados de busca e apreensão. Entre os alvos da investigação estão vereadores e prefeitos que ainda não tiveram suas cidades reveladas para não comprometer a ação. Até o momento não há informações sobre apreensões ou prisões.

Notícias Relacionadas