Militares e partidos respeitarão resultados eleitorais na Venezuela

AGÊNCIA ANSA

Caracas – A Força Armada Nacional Bolivariana (FANB) e os partidos políticos venezuelanos se comprometeram em respeitar os resultados que o Congresso Nacional Eleitoral (CNE) emitirá nas eleições presidenciais de 7 de outubro próximo.

“Assim como nos comprometemos diante dos atores políticos a cumprir as normas da Constituição, esperamos que eles o façam respeitando a decisão do povo e não se adiantem em dar resultados, mas que deixem que o juiz o faça”, disse Wilmer Barrientos, chefe do comando estratégico operacional.

Barrientos organizou um encontro com os comandos da campanha do presidente, Hugo Chávez, e do único candidato da oposição, Henrique Capriles.

“A Força Armada atuará contundentemente diante de qualquer foco de violência, independente de onde venha”, advertiu Barrientos.

“A tranquilidade e a paz” dos comícios nos quais cerca de 19 milhões de venezuelanos irão às urnas “estará garantida pelo Plano República”, informou ele.

“Que ninguém tenha cartas escondidas, vamos jogar com cartas limpas, porque é importante que seus líderes joguem assim, para levar tranquilidade e todos possam sair e exercer seu direito ao voto”, concluiu Barrientos.

AnsaLatina

Notícias Relacionadas