Justiça Eleitoral ordena prisão do presidente da Google no Brasil

AGÊNCIA ANSA

Rio de Janeiro – A Justiça Eleitoral ordenou a prisão do presidente da Google no Brasil, Fábio José Silva Coelho, por não ter retirado da Internet os vídeos que “difamavam” um candidato à prefeitura de Campo Grande, no Mato Grosso do Sul (MS).

De acordo com a denúncia apresentada ao Tribunal Regional Eleitoral de MS, Coelho cometeu um crime de “desobediência” ao não retirar do YouTube os vídeos que contêm “calúnias, injúrias e difamações” contra o candidato às eleições municipais de outubro, Alcides Bernal.

AnsaLatina

Notícias Relacionadas

1 Comentário

Comentários estão suspensos