Câmara não mexe em milhas aéreas ‘privatizadas’

CLÁUDIO HUMBERTO

Está engavetado na Câmara dos Deputados, desde 2007, projeto do deputado Sergio Barradas Carneiro (PT-BA) que transfere para o poder público as milhas de passagens aéreas pagas pelo contribuinte. Hoje, servidores e parlamentares se beneficiam dos programas de milhagem, transformando os créditos das milhas em passagens para viagens particulares, com a família. A rigor, custeadas pelos cofres públicos.

Projeto parado – Em maio, a deputada Fátima Pelaes (PMDB-AP) assumiu a relatoria do projeto das milhas aéreas no serviço público, mas não se manifestou.

TCU tira o corpo – O Tribunal de Contas da União se esquiva sobre uso de milhas aéreas pelos agentes públicos, posicionando-se “apenas de casos concretos”. (Coluna de Cláudio Humberto)

Notícias Relacionadas

1 Comentário

  1. LEANDRO

    MEU DEUS
    QUANTA COISA IMPORTANTE PARA SE DISCUTIR
    E ESSES ESTAO PREOCUPADOS COM MILHAS

    MEU DEUS
    ISSO É SERIO?

    LAMENTAVEL

Comentários estão suspensos