Com dois de Neymar e de virada, Santos bate Coritiba fora de casa

Curitiba – Jogando pela 25ª rodada do Campeonato Brasileiro, o Santos viajou até o Paraná e enfrentou o Coritiba, neste domingo (16) no estádio Couto Pereira. O resultado final foi a vitória do Santos por 2 a 1. O Peixe vai a 33 pontos com esta vitória, enquanto o Coritiba permanece com 28.

O Coritiba abriu a contagem aos nove minutos de jogo através de Deivid. O lateral Ayrton bate falta na área e a bola sobra para o centroavante paranaense que não perdoa. Coritiba 1 a 0.

Aos 16, grande defesa de Rafael no perigoso arremate de Lincoln. Bem marcado, Neymar não consegue aparecer na partida. Patito Rodriguez finaliza da entrada da área, aos 35, para boa defesa do goleiro Vanderlei.

Neymar sobe com estilo em cruzamento de Gerson Magrão aos 40, e cabeceia para o arqueiro paranaense desviar a escanteio.

O Coritiba começa a etapa final pressionando. Aos dois minutos, Neymar é desarmado, Éverton Ribeiro serve Robinho que avança e bate com muito perigo para fora.

Aos seis, ataque do Coritiba e a bola sobra para Deivid, que consegue errar o gol santista. O Coritiba aumenta a marcação e amarra o jogo. Foi então que aconteceu a jogada genial de Neymar. Ele passa por três zagueiros, tira do goleiro com naturalidade e toca para dentro do gol do Coritiba, empatando a partida no Couto Pereira.

Aos 37, o Santos vira o placar. Patito Rodriguez escapa pelo meio, arremata e o goleiro Vanderlei espalma nos pés de Neymar que manda para o fundo do gol do Coritiba.

O Santos suportou a pressão do Coritiba até o apito final e saiu de campo com a vitória.

No próximo sábado (22), às 21h00, o Santos tem o clássico paulista contra a Portuguesa, na Vila Belmiro. No domingo (23), o Coritiba visita o Sport/PE, às 18h30, na Ilha do Retiro.

Coritiba/PR 1 x 2 Santos

Coritiba: Vanderlei; Ayrton, Demerson, Escudeiro e Eltinho; William, Gil, Everton Ribeiro (Marcel) e Lincoln (Raúl Ruidíaz); Robinho (Éverton Costa) e Deivid.
Técnico: Marquinhos Santos.

Santos: Rafael; Bruno Peres (Douglas), Bruno Rodrigo, David Braz e Juan; Éwerton Páscoa (Bernardo), Arouca, Gérson Magrão e Pato Rodríguez; Neymar e André (Bill);
Técnico: Muricy Ramalho.

Árbitro: Ronan Marques da Rosa (SC);
Assistentes: Rodrigo Pereira Joia (FIFA/RJ) e Rodrigo F Henrique Correa (FIFA/RJ);
Quarto árbitro: Leandro Júnior Hermes (PR);
Assistentes adicionais: Edmundo Alves do Nascimento (SC) e Roger Goulart (RS);
Data: Dia 16 de setembro às 16h;
Local: Estádio Couto Pereira, em Curitiba.

Gols: Deivid (COR), 09’ 1T; Neymar (SAN), 25’ 2T e 37’ 2T

CA: Escudeiro (COR), Douglas (SAN), Gerson Magrão (SAN), Neymar (SAN)

Notícias Relacionadas