Bolão das lotéricas é oficializado e começa a valer em outubro

A aposta inicial vai custar R$ 10 e será limitada a dez jogos por recibo.
Brasília – A partir de 1º de outubro as apostas do famoso bolão das loterias, que até então eram feitas de maneira informal pelas casas lotéricas, começam a valer. A Caixa Econômica Federal decidiu oficializar a modalidade com o objetivo de garantir segurança e transparência aos apostadores.

O Bolão Caixa será feito com uma tecnologia específica para esse tipo de jogo e os recibos serão impressos de forma individual. Assim, em caso de premiação, cada apostador terá seu próprio recibo da cota premiada. Nos bolões oferecidos pelas lotéricas atualmente o apostador fica somente com um comprovante que não é reconhecido pela Caixa.

A discussão sobre a legalidade do bolão começou em fevereiro de 2010, quando 35 apostadores de Novo Hamburgo (RS) que compraram um bolão com as dezenas premiadas da Mega-Sena, mas não levaram o prêmio porque a casa lotérica não havia registrado o jogo.

A aposta inicial vai custar R$ 10 e será limitada a dez jogos por recibo. O número mínimo de cotas é dois e o máximo 100, dependendo da modalidade –Mega-Sena, Dupla Sena, Quina, Loteca ou Lotofácil. As apostas poderão ser feitas nos volantes de cada loteria, que passarão a exibir um novo campo especialmente para o bolão.

Notícias Relacionadas