México prende El Coss, líder do cartel do Golfo, um dos maiores do país

Renata Giraldi
Agência Brasil

Brasília – O líder do cartel do Golfo no México, Jorge Eduardo Costilla Sanchez, conhecido como El Coss, foi preso, em Tampico, Tamaulipas, na fronteira com os Estados Unidos, pelas autoridades mexicanas. El Coss foi apresentado hoje (13) à imprensa pela Secretaria da Marinha do México (cuja sigla é Semar). O líder foi preso com mais cinco cúmplices. Segundo as autoridades, as investigações prosseguem no Gabinete de Investigações Especiais sobre o Crime Organizado.

O cartel do Golfo é considerado um dos dez maiores em atuação no México. Segundo o porta-voz da Semar, José Luis Vergara Ibarra, a prisão do líder e seus cúmplices foi possível devido a um trabalho minucioso do serviço de inteligência do governo federal.

No México, os carteis atuam no tráfico de pessoas, drogas e armas, além de envolvimento em crimes, como sequestros, roubos, torturas e assassinatos. Os governos federal e locais decretaram o combate aos carteis como prioridade.

A Procuradoria-Geral da República (PGR) do México ofereceu uma recompensa de cerca de US$ 30 milhões por informações que levassem à captura de El Coss. Paralelamente, o Departamento de Justiça dos Estados Unidos ofereceu US$ 5 milhões.

Vergara Ibarra disse que El Coss foi capturado com mais cinco cúmplices em uma casa em Lomas de Rosales, na qual foram localizados dois fuzis, quatro pistolas, 460 cartuchos de diversos calibres e três automóveis, além de joias. As armas, munições e joias serão colocadas à disposição do Ministério Público Federal.

Notícias Relacionadas