Mulher que tentou invadir Palácio do Planalto se dizia apaixonada por Dilma

Edmeire na calçada do Palácio do Planalto
Edmeire na calçada do Palácio do Planalto
CLÁUDIO HUMBERTO

Uma mulher, Edmeire Celestino da Silva, 29, tentou invadir a rampa do Palácio do Planalto no final da tarde desta terça-feira, dizendo-se “marido” da presidente Dilma.

Sua identificação foi confirmada pelo 6º Batalhão da Polícia Militar, que a levou ao Hospital da Asa Norte (HRAN) depois que ela foi imobilizada pelos seguranças palacianos.

Segundo os médicos, Edmeire apresentava bom estado de saúde e foi liberada em seguida. A mulher estava suja, com roupas rasgadas e afirmou ser apaixonada pela presidente Dilma. (Coluna de Cláudio Humberto)

Notícias Relacionadas