Rússia tenta apoio para plano de paz na Síria

Da BBC Brasil

Moscou – A Rússia informou que pedirá ao Conselho de Segurança da Organização das Nações Unidas (ONU) a aprovação de um plano para acabar com a violência na Síria.

O ministro do Exterior russo, Sergei Lavrov, disse hoje (8) que seu país vai incentivar a adoção do comunicado de Genebra proposto em junho passado (pelo Grupo de Ação na Síria), que apela para um cessar-fogo e para a formação de um governo transição.

Há 18 meses, a população da Síria sofre com os confrontos armados no país, que já mataram mais de 25 mil pessoas. A crise no país teve início em março de 2011, quando a oposição entrou em conflito com o governo do presidente Bashar Al Assad. A oposição exige a renúncia de Assad, a transição política, o fim da violência e mais liberdade.

Notícias Relacionadas