Dossiê enumera 18 parentes de Eduardo Campos no seu governo

Políticos cotados à Presidência da República tornam-se alvo de ataques.É o que começa a acontecer com o governador de Pernambuco, Eduardo Campos, presidente do PSB. Seus adversários compilaram uma lista de 18 familiares seus, todos lotados em cargos de confiança na administração estadual.

Leia também:

Também são mencionados na relação dois parentes alocados na Hemobrás, estatal federal sediada no Recife. Ao todo, são seis primos, três tios, dois sobrinhos e sete contraparentes.

A assessoria de Campos informa que o rol “mistura pessoas concursadas com outras que não têm parentesco com o governador”. Afirma ainda que “não há um único caso de nomeação de servidor em Pernambuco em desacordo com a legislação vigente no Estado e no país”. (Felipe Patury, na Época)

Notícias Relacionadas