Após terceira derrota seguida, Muricy ‘abandona’ Brasileirão e já planeja 2013

Após a derrota do Santos diante do Fluminense por 3 a 1 na última quinta-feira, no Rio de Janeiro, o técnico Muricy Ramalho não se intimidou em dizer que sua equipe não tem condições de brigar pelos dois principais objetivos do Campeonato Brasileiro – título e vaga na Copa Libertadores da América de 2013.

“A gente tem que analisar quem está em cima, são times muito fortes. Nós não precisamos só reagir, os outros também têm que cair. E eles, seguramente, não vão cair, pelo plantel que têm”, afirmou Muricy.

Muricy declarou que o clube passa por momento de transição e já planeja a temporada 2013. “O problema é esse, repetimos o time algumas rodadas, mas depois voltamos a mudar de novo, não temos um conjunto, toda hora muda, não ter um time é complicado para um técnico, é um ano de transição nosso, estamos mudando muita coisa e sem dúvida vamos voltar mais fortes no ano que vem”, disse.

Para planejar a próxima temporada, o treinador espera uma definição em relação ao caso do meia Paulo Henrique Ganso. O camisa 10, que entrou em litígio com os dirigentes do clube, está nos planos de São Paulo e Grêmio. Por conta disso, Muricy cobra a diretoria nos bastidores pelo fim da “novela”.

O treinador foi informado que o Santos estuda a possibilidade de negociar o atleta na próxima proposta do São Paulo. Os dois clubes prometem definir a transação na próxima semana, após o clássico entre eles neste domingo na Vila Belmiro. (Samir Carvalho, UOL Esporte)

Notícias Relacionadas