Belém e Fortaleza registram maiores taxas de inflação em agosto

Vitor Abdala
Agência Brasil

Rio de Janeiro – As cidades de Belém e Fortaleza foram as capitais que registraram maiores altas de preços, segundo o Índice Nacional de Preços ao Consumidor Amplo (IPCA), que mede a inflação oficial. Segundo dados divulgados hoje (5) pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE), enquanto a capital paraense registrou taxa de 0,72%, a cearense teve inflação de 0,66% no mês.

Já as cidades de Goiânia e São Paulo apresentaram as menores taxas de inflação neste período: 0,31%. As demais cidades apresentaram as seguintes taxas: Curitiba (0,58%), Porto Alegre (0,48%), Rio de Janeiro (0,45%), Recife (0,38%), Belo Horizonte (0,37%), Brasília (0,35%) e Salvador (0,32%).

Belém também apresentou o maior aumento na taxa de inflação, de julho para agosto: 0,5 ponto percentual, já que em julho havia apresentado um índice de 0,22%. Goiânia teve a maior redução, 0,3 ponto percentual, uma vez que havia tido inflação de 0,61% em julho.

Notícias Relacionadas