Mensalão: réus tentaram coagir principal testemunha do Banco Rural

CLÁUDIO HUMBERTO

Réus do mensalão, os ex-dirigentes do Banco Rural tentaram encurralar a principal testemunha da acusação, Carlos Roberto Sanches Godinho – ex-superintendente da área de Compliance do Banco Rural -, para evitar que ele manchasse a imagem da instituição.

Desde que saiu do banco, em 2005, ele não conseguiu mais emprego na área financeira. Hoje, divide seu tempo entre temporadas nas casas da filha, em Belo Horizonte, e do filho Sérgio, em Natal, Rio Grande do Norte.

“Você vê como são as coisas: meu pai resolveu ajudar e foi como se a moeda virasse para o outro lado. Ele só fez o que achava certo. O ex-ministro da Justiça precisava saber disso, né?” diz Sérgio, criticando Márcio Thomaz Bastos, defensor de José Roberto Salgado, ex-diretor do Rural. (Coluna de Cláudio Humberto)

Notícias Relacionadas