Deputado que denunciou João Paulo Cunha teme ‘pizza’

CLÁUDIO HUMBERTO

Relator da cassação do mandato de João Paulo Cunha (PT-SP) na Câmara, em 2006, Cezar Schirmer (PMDB) – atual prefeito de Santa Maria – diz temer que o julgamento do mensalão vire um “espetáculo midiático, condenando uns e absolvendo outros”. Acha que seu parecer no conselho de ética contra o petista, condenado no Supremo Tribunal Federal, “minucioso e aprofundado”, pode ter ajudado no julgamento.

Carne-unha – Alinhado com o relator da CPI dos Correios, Osmar Serraglio (PMDB-PR) Schirmer pediu a cassação de Cunha envolvido no mensalão.

Blindagem petista – O parecer contra o petista foi aprovado por quase unanimidade no Conselho de Ética em 2006, mas rejeitado no plenário da Câmara.

Deixa estar – Apesar da condenação no STF, os partidos de oposição decidiram não pedir a cassação do mandato de João Paulo Cunha.

Vanguarda do atraso – O espirituoso deputado Lúcio Vieira Lima (PMDB-BA) acha que o PT é visto pela população como “Arena moderno”: “Fisiológico e coronelista”. (Coluna de Cláudio Humberto)

Notícias Relacionadas